Menu

Marco legal da violência?

Nenhum Comentario

VIOLÊNCIA BRUTAL NA UFMT DA FORÇA DO ESTADO

“fomos tratados como insetos e cade o respeito??(Caiubi Kuhn) – Estudante da UFMT

Estudantes da UFMT, da Universidade Federal de Mato Grosso, nossa casa,  com a anunciada restrição dos alojamentos estudantis fazem protesto pacífico que lhes cabe como cidadãos. Portavam cartazes e desciam à rua como ato de manifestação à população geral de suas reivindicações. Esperava-os o pelotão de choque.  Veja os vídeos:

vídeo mais longo – 15 minutos
http://www.youtube.com/watch?v=bdvt5yDdVJg
vídeo de 2 minutos
http://www.youtube.com/watch?v=mc4wEqZPBJI

VIOLÊNCIA TEM ORIGEM NA  PALAVRA LATINA QUE EXPRESSA: “VIOLAÇÃO

Todos nós fomos feridos em nossos direitos… quando se massacram estudantes.

É preciso que o Estado responda à população e aos estudantes acerca das consequências da violência cometida.

Toda violência, sem exceção é perversa, por ser ato de prepotência!

Rompe com o estatuto do que desejamos ser. Rompe direitos, e rompe pacto social e político da democracia.

É uma lástima. Mas é também uma lástima que se cultive essa cultura de crueldade! Nós não a merecemos, ninguém a merece.

Fere direitos constitucionais, direitos humanos fundamentais e direitos civis.

É insuportável que um Estado democrático mantenha a violência “legal”!

Cerceia a liberdade de manifestação pública das injustiças. Assegura o Estado de Medo do diálogo. Uma manifestação é um PALAVRA, que não pode ser calada. Calar a palavra mutila. Tira dignidade. Fere direito de expressão.

Violência alguma pode ser legal. Ela é o que diz semanticamente: uma violação!

Prof. Dr. Luiz Augusto Passos

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *